Quando Procurar um Médico Especialista em Coluna

O médico especialista em coluna está sempre atualizado com as mais recentes tecnologias no diagnóstico e no tratamento de diversas patologias da coluna

Você sabia que, segundo à OMS até 80% da população tem algum problema na coluna?

É um número espantoso, afinal são milhões de pessoas que tem a sua qualidade de vida comprometida devido à algum tipo de doença na coluna vertebral.

Muitas vezes esse é um problema simples de tratar, como uma contratura, por exemplo.

No entanto, algumas patologias graves da coluna, como: hérnia de disco, estenose de canal, ou artrose na coluna necessitam de tratamento médico a fim de não se tornarem crônicas.

Encontrar o profissional adequado para tratar de um problema na coluna pode ser um desafio, pois existem diversas opções de tratamento, e escolher qual é a mais adequada para o seu caso não é uma tarefa fácil.

Obter informações detalhadas a respeito dos métodos e principalmente dos resultados que um determinado tipo de tratamento pode oferecer, pode ajudar você a se decidir pelo tipo de tratamento que deseja fazer.

Com objetivo de ajudar você a entender melhor quais são os tipos de tratamento disponíveis hoje, podemos dividir os tratamentos para a coluna em duas categorias:

  • tratamentos conservadores
  • tratamentos não invasivos

Tratamentos Conservadores

Os tratamentos conservadores são realizados à base de medicamentos, fisioterapia e cirurgia de coluna.

O tratamento inicial é feito através de o uso de medicamentos que visam diminuir a dor e ajudar a combater o processo inflamatório.

  • anti-inflamatório
  • relaxante muscular

Há casos em que se associa algum tipo de fisioterapia ou manipulação com o intuito de aliviar a dor nas costas durante essa etapa do tratamento.

No entanto, em se tratando de tratamentos conservadores, caso essas medidas não proporcionarem uma melhora no estado de saúde da coluna do paciente, ele é encaminhado para a cirurgia de coluna.

Cirurgia de Coluna [observação importante]

A cirurgia de coluna é um procedimento arriscado, que só deve ser realizado em último caso, quando todas as outras opções possíveis já foram descartadas.

Na verdade, apenas 5% das patologias na coluna necessitam ser tratadas com cirurgia.

cirurgia-coluna-gráfico

O problema, é que mesmo nos casos em que a cirurgia de coluna é necessária, ela pode não ter o resultado esperado…

Isso porque as cirurgias convencionais são extremamente invasivas, não levando em consideração a estrutura natural da coluna vertebral, o que pode trazer graves consequencias a longo prazo, comprometendo o equilibrio e o alinhamento da coluna do paciente.

Ou seja, além de muitas vezes não trazer o resultado esperado, a cirurgia de coluna ainda pode ser o motivo de novos problemas na coluna vertebral.

Tratamentos não Cirurgicos para a Coluna

Uma abordagem muito diferente da conservadora, é feita através dos procedimentos não cirúrgicos para a coluna, também chamados de procedimentos minimamente invasivos.

O profissional responsável pela realização dos procedimentos minimamente invasivos é conhecido por “Fisiatra Intervencionista“.

O Fisiatra Intervencionista é um profissional muito conhecido no exterior, e que está se tornando cada vez mais conhecido por aqui devido à nova visão que ele traz para o tratamento da coluna.

Podemos dizer que o Fisiatra Intervencionista é um médico especialista em coluna que também é especializado na realização de procedimentos minimamente invasivos.

Por ser um médico especialista em coluna, o Fisiatra Intervencionista faz uso das mais moderna técnologia de imagem para realização de um diagnóstico extremamente preciso.

  • Tomografia
  • PET Scan
  • Ressonância magnética

Procedimento Diagnóstico

Além dos tratamentos com procedimentos minimamente invasivos existe também a possibilidade de se realizar procedimentos diagnósticos fazendo uso dessa mesma tecnologia de imagem em tempo real.

Dessa forma é possível validar uma hipótese sobre uma suspeita clínica utilizando uma agulha guiada por tecnologia da imagem.

Esse tipo de procedimento pode ser realizado em determinadas partes do corpo, como por exemplo:

  • Músculos ou ligamentos
  • Ossos
  • Articulações
  • Discos intervertebrais
  • Nervos

Uma das razões pela qual o fisiatra intervencionista – especialista em coluna, tem se destacado, é pelo fato de os tratamentos oferecidos serem realizados:

  • sem a realização de cortes
  • sem colocação de parafusos
  • sem cirurgia de coluna

Apesar de o fisiatra intervencionista ainda ser uma especialidade rara no Brasil, ele vem ganhando cada vez mais espaço na mídia devido às diversas vantagens que oferece em relação aos tratamentos convencionais.

Essa especialidade possibilitou com que os pacientes que necessitam de tratamento para a coluna possam otar por técnicas mais modernas, que são muito mais seguras das que ainda são utilizadas nos tratamentos conservadores.

Quando  Procurar um Especialista em Coluna?

Os sintomas de dor na coluna costumam ser fáceis de reconhecer, afinal, quem nunca teve dor nas costas?

No entanto, algumas doenças da coluna podem não ser fáceis de ser diagnosticadas, pois apresentam sintomas menos esperados:

  • dor nos braços e nas pernas
  • dor de cabeça

Por isso, é muito importante ficar atento aos seguintes sinais de alerta:

  • Dor nas costas em pacientes com menos de 20 anos ou em pacientes acima dos 55 anos que não apresentaram episódios anteriores de dor nas costas
  • Casos de trauma com impacto: acidentes, quedas ou contusões
  • Dor crônica, que não melhora com o decorrer do tempo
  • Dor nas costas com dor no peito, lembrando que existem quadros atípicos de infarto em que a dor reflete nas costas do paciente
  • Histórico de tumor: (ex. próstata nos homens, mama, ovário e útero nas mulheres)
  • Pessoas que fazem uso de corticoides por longo período de tempo e sentem dor nas costas
  • Pessoas com imunidade comprometida
  • Redução da capacidade do movimento
  • Alteração de força nas pernas ou nos braços, dor que irradia para os membros
  • Alteração de sensibilidade
  • Surgimento de uma deformidade na coluna – paciente não tinha uma curvatura na coluna antes e passou a sentir dor nas costas junto com a alteração na coluna
  • Dor na coluna que dure mais do que 6 semanas

Caso você apresente algum desse sintomas é importante procurar um médico especialista em coluna, pois o seu problema pode estar na coluna vertebral.

Procedimentos Minimamente Invasivos: Rapidez e Resultados

Os procedimentos minimamente invasivos são procedimentos realizados por um médico especialista em coluna em centros médicos de referência.

São procedimentos realizados com o auxílio do que há de mais moderno em monitoramento de imagem em tempo real.

médico especialista em coluna

Os procedimentos minimamente invasivos tem como objetivo:

  • Proporcionar melhora quebrando o “ciclo da dor”
  • Permitir que o paciente se engaje em alguma atividade de fortalecimento
  • Trabalhar na prevenção desses quadros futuros de dor na coluna

Os procedimentos são realizados em uma sala anexa ao centro médico, de modo que o paciente possa ser imediatamente assistido em caso de emergência.

Eles também oferecem várias vantagens quando comparado com os métodos convencionais de tratamento:

  • O paciente entra e sai andando
  • Não necessita acompanhante
  • Não é realizada anestesia, o que poupa o paciente dos desconfortos da pré-anestésica e da recuperação pós anestésicos.
  • O tempo total de permanência no hospital não ultrapassa 2 horas

Lista de Procedimentos Minimamente Invasivos

  • Ablação por radiofrequência
  • Bloqueio Facetário
  • Bloqueio Seletivo
  • Discografia Provocativa
  • Bloqueio Epidural
  • Injeção intra-articular
  • Cirurgia Endoscópica

Veja quais são os problemas na coluna podem ser tratados através de procedimentos minimamente invasivos:

Conclusão

Agora que você já tem algumas informações importantes sobre o profissional conhecido como “médico especialista em coluna” fica bem mais fácil para você decidir o tipo de tratamento que deseja realizar.

Caso você tenha ficado com alguma dúvida sobre essa especialidade médica ou tenha algum comentário que gostaria de fazer, escreva para a gente, será um prazer ouvir você!

2018-05-11T12:05:07+00:00 agosto | 2017|